terça-feira, 22 de setembro de 2009

Linus Torvalds: O Linux está inchado

artigo traduzido de http://news.cnet.com/8301-13505_3-10358024-16.html, originalmente escrito por Matt Asay

Linus Torvalds, fundador do kernel do Linux, fez um comentário alarmante na LinuxCon em Portland, Oregon na segunda-feira: "Linux is bloated (O Linux está inchado)". Enquanto a comunidade open-source tem apontado o dedo contra o Microsoft Windows como "o inchado", parece que com o sucesso, veio o peso, peso que faz o Linux ser "gigantesco e pavoroso agora", de acordo com Torvalds.

O Linux falhou?

Não. É claro que não. Simplesmente cresceu de acordo com a expansão de seus adeptos. Este é o problema do sucesso: você acaba entrando um a lista sempre crescente de tarefas.
Então, se por um lado Torvalds declarou que "Definitivamente não temos o kernel organizado e super-eficiente que eu planejei quando comecei a codificar o Linux", este Linux não é também o kernel de funções e propósitos limitados que ele planejou inicialmente. Ele está fazendo funcionar tudo desde data centers corporativos até mais da metade dos novos smartphones que são lançados; foi o que Jim Zemlin, da Linux Foundation, observou em sua nota de abertura.
Mesmo assim, permancece uma pergunta: quanto mais bem sucedido o Linux for, mais parecido com o Windows ele será?
Eu creio que projetos open-source de sucesso, geralmente, vão se tornar cada vez mais parecidos com produtos Microsoft à medida em quem crescem. Simultaneamente, a Microsoft vai aprendendo lentamente com o open-source, e eu creio que ela vai se render, também.
Vamos chegar a um meio termo? Provavelmente. Por enquanto, o Linux pode estar "engordando" um pouco, mas isso é mais motivo para festejar, e não para fazer pressões.
Postar um comentário